Psy

"Só algumas pessoas escolhidas pela fatalidade do acaso provaram da liberdade esquiva e delicada da vida" "Sou como você me vê. Posso ser leve como uma brisa, ou forte como uma ventania, depende de quando e como você me vê passar" "Clarice Lispector"

29.7.06

A Profecia Celestina

Uma Aventura da Nova Era



Sinopse: Um manuscrito antigo é descoberto nas florestas do Peru, e seu conteúdo promete mudar o planeta para sempre. A igreja católica e o exército tentam escondê-lo, mas um grupo de resistência consegue cópias do documento e começa a praticar seus ensinamentos através de nove visões que a humanidade precisa conhecer.

É um livro que trata o saber espiritual como parte do nosso cotidiano. É a consciência das chamadas "coincidências", uma visão positiva e global sobre a vida humana na terra.

Li este livro há alguns anos e estou a reler. (Engraçado, a compreensão muda conforme a perspectiva com que o leio).
É um dos livros indico a sua leitura.

A estória baseia-se em um antigo manuscrito, descoberto nas florestas do Peru.
O sentido da vida humana é abordado numa forma surpreendentemente simples e lógica. Nos leva a um incrível "estado" de serenidade e compreensão, porque os segredos e verdades estabelecidos em nove visões representam um elo entre o espiritual e o físico.

Não são de fato "visões" no sentido esotérico como se pode imaginar, mas no sentido de percepção, constatação e conscientização, porque tudo o que é aprendido é internalizado no momento da "visualização", isto é, o conhecimento só é adquirido no momento em que formamos uma imagem clara e definida na consciência. A leitura é dinâmica, envolvente e nos permite muitos "insights".

O filme foi lançado este ano no festival de Cannes e esta em exibição nos cinemas Americanos.
Site do filme: A Profecia Celestina



Existe uma coisa a mais, é a Primeira Visão
Alguma vez você já teve um palpite ou intuição sobre uma coisa e, sem mais nem menos, acontece igual ou semelhante? Quantas vezes nos deparamos com situações em que nossa primeira reação é dizer: "- Mas que coincidência...!", ou então: "- Como esse mundo é pequeno...!".
Isso tem acontecido muito seguido na vida de todos nós e, quando acontece, temos a sensação de que alguma coisa está ocorrendo, que alguma força exterior está agindo como que se estivesse nos dando um aviso ou até mesmo guiando nosso destino.

O Pensamento Universal
A Segunda Visão é uma retrospectiva do nosso pensamento. Na prática, estivemos tão envolvidos no corre-corre da vida e em garantir nossa segurança que esquecemos do nosso bem estar espiritual e nosso sossego íntimo. A primeira visão provoca uma parada para reflexão onde surge: "que estive fazendo?", "por que?" "para que?". Ao tentar responder essas perguntas, tomamos consciência das influências recebidas das pessoas próximas e também do pensamento universal ao longo do tempo. Temos então a sensação de estarmos, não sozinhos, mas inseridos numa corrente global em movimento.

Contemplação da energia
A Terceira Visão diz respeito à consciência de que o universo todo é pura energia vibrando em diferentes níveis, pode ser vista e reage às nossas expectativas e ações.
Essa energia passa a ser sentida ao observarmos as coisas da natureza ao nosso redor, começando pelas plantas e árvores, depois pelos outros seres e daí para as outras coisas, onde tudo convive e se ajusta em harmonia.

Luta pela sobrevivência?
A Quarta Visão trata do conflito humano e seus mecanismos. É a consciência de que nas relações humanas tendemos a controlar, dominar e manipular os outros, com o intuito inconsciente de absorver-lhes a energia.
Se é inconsciente, qual a origem desse "impulso"? Nossa insegurança? Nossas crenças?


A Quinta Visão
Define que nossa escassez de energia pode ser remediada quando nos ligamos numa fonte superior de energia. O universo nos proporciona tudo o que necessitamos, bastando apenas que estejamos abertos a isso .

A Sexta Visão
Nos leva a identificar nossos dramas repetidos e descobrir a verdade sobre nós mesmos.

A Sétima Visão
Põe em movimento a evolução dos eus mais autênticos, através da pergunta, da intuição sobre o que fazer, e da resposta. Permanecer nessa corrente mágica era a verdadeira felicidade.

A Oitava Visão
Aprender como se relacionar de uma maneira nova com os outros, realçando o que de melhor existe neles, é a chave para manter o mistério atuando e as respostas surgindo.
Quanto mais beleza vemos, mais evoluímos. Quanto mais evoluímos, mais alto vibramos.

A Nona Visão
Nos revela que, em última análise, nossa percepção e vibração aumentadas nos abrirão um céu que já está diante de nós. Apenas não podemos vê-lo.
Imagem: Rasmus Lindersson


A Profecia Celestina Autor: James Redfield
Editora: Objetiva - 52ª Edição - 1993
Outros livros de James Redfield :
A Décima Profecia
O Segredo de Shambhala
A Visão Celestina





0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home

No amor, nem sempre são as faltas o que mais nos prejudica, mas sim a maneira como procedemos depois de as ter cometido. "Oví­dio"