Psy

"Só algumas pessoas escolhidas pela fatalidade do acaso provaram da liberdade esquiva e delicada da vida" "Sou como você me vê. Posso ser leve como uma brisa, ou forte como uma ventania, depende de quando e como você me vê passar" "Clarice Lispector"

23.6.07


Se algum dia, esmagada pelo tédio,
eu te pedir o sol como remédio
à minha inquietação,
sorri como se eu não fosse uma criança,
e não digas que não.

Se algum dia, em noites de platina,
eu te pedir a lua que ilumina
do céu, a nossa rua,
e me deixa extasiada, boquiaberta,
as minhas mãos, nas tuas mãos, aperta
e promete-me a lua!

E se ainda, perdido no horizonte,
o meu olhar partir de monte em monte,
e apetecer o mar,
tu que sabes, vês, e podes tudo,
abrindo tuas asas de veludo,
finge que o vais buscar!

Virgínia Victorino

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home

No amor, nem sempre são as faltas o que mais nos prejudica, mas sim a maneira como procedemos depois de as ter cometido. "Oví­dio"