Psy

"Só algumas pessoas escolhidas pela fatalidade do acaso provaram da liberdade esquiva e delicada da vida" "Sou como você me vê. Posso ser leve como uma brisa, ou forte como uma ventania, depende de quando e como você me vê passar" "Clarice Lispector"

24.9.08

Blaise Pascal

 

 

John Delville

 




Quantos reinos nos ignoram!
O silêncio eterno destes espaços infinitos me apavora!...
Que o homem tendo voltado a si considere o que é na medida do que é;
e que desta pequena prisão em que se encontra colocado, o Universo,
ele aprenda a estimar a terra e seja mesmo sua justa medida.
Que é o homem no infinito?
O que é o homem na natureza?
Um nada em relação ao infinito,
um tudo em relação ao nada,
um meio entre nada e tudo.

Infinitamente afastado de compreender os extremos,
o fim das coisas e seus princípios...
igualmente incapaz de ver o nada de onde foi tirado,
e o infinito em que está envolvido.
Que fará então a não ser perceber
alguma aparência no meio das coisas,
num desespero eterno de não conhecer
nem seu princípio nem seu fim.

 



 

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home

No amor, nem sempre são as faltas o que mais nos prejudica, mas sim a maneira como procedemos depois de as ter cometido. "Oví­dio"