Psy

"Só algumas pessoas escolhidas pela fatalidade do acaso provaram da liberdade esquiva e delicada da vida" "Sou como você me vê. Posso ser leve como uma brisa, ou forte como uma ventania, depende de quando e como você me vê passar" "Clarice Lispector"

1.8.09

Todas as Cores - |ßiå|™



 


Todas as Cores

divider


Olha, meu amor!
Essas são as flores
que em teus campos colhi.
São flores de múltiplas cores
Pra que lembres o tanto
Que gosto de ti!
Guarde-as em bom lugar!
Não tão perto que as sufoque,
Nem tão longe que não as veja!
Regue-as com o calor de teu toque
e com um amor que as proteja!
Haverão de retribuir-te
toda a atenção recebida.
Multiplicar-se-ão em minha arte!
Serão parte da tua vida...
Porque ontem fui grão...
depois ramo...depois flor
que perfuma sem espinhos...
Hoje...do amor em flores
não sou uma, mas todas as cores em teu caminho.


divider


Poema ©Beatriz Araujo

creations by Angels Design


star

 

3 Comments:

Blogger belakbrilha diz...

Olá Psy

Lindo, como nos habituastes, embora eu já andasse a ficar preocupada, tanto tempo sem postar?

O que se passa minha amiga?
Falta de tempo? estás a dar um tempo?...O que se passa einh???

beijos da sempre amiga

Luísa

8:09 AM  
Blogger Antônio Crotti diz...

Oi Psy, como estás?
Cada vez que visito o seu blog fico encantado com tamanho bom gosto e espiritualidade. É realmente um espaço para parar, respirar fundo e refletir.
Não sabemos nem como agradecê-la... Resta apenas desejar que Deus a abençoe e lhe ilumine sempre!
Abração,
Antônio

11:20 PM  
Blogger Dri Viaro diz...

Oi, passei pra conhecer seu blog, e desejar boa semana
bjs

aguardo sua visita :)

2:51 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home

No amor, nem sempre são as faltas o que mais nos prejudica, mas sim a maneira como procedemos depois de as ter cometido. "Oví­dio"